quarta-feira, 26 de abril de 2017

Opinião: "Promete-me" - C.M. Cruz

Título: Promete-me
(Hoje e Sempre #1)
Autor: C.M. Cruz
Editora: Chiado Editora
ISBN: 9789895190423
Páginas: 248

Sinopse: A minha vida era completa e perfeita. 
Era feliz, amada e protegida.
Até que tudo mudou, quando fui raptada.
Após quase 7 anos como escrava, encontrei a minha liberdade.
Mas até que ponto eu estava realmente livre?
Elizabeth Collins tinha tudo o que sempre sonhou. O emprego para o qual estudou, uma família que a adorava e um namorado que a amava. 
Foi com o pensamento de um futuro promissor, que o mundo da Beth desabou aos seus pés.
Ela foi raptada, torturada e violada por 7 longos anos. Levada para um mundo de terror e sofrimento, foi forçada a anos de cativo, sem esperança. 
Mesmo tendo encontrado a sua liberdade, estará ela realmente livre? Irá ela conseguir viver num mundo onde os monstros de verdade existem? Ou será que o Alec Brenner a conseguirá salvar de seus demónios?
Uma promessa foi tudo o que ela pediu. Mas não era uma promessa qualquer. Será o Alec capaz de cumprir o prometido? Mesmo que isto signifique perder a Beth para sempre?

(pode conter spoilers)

Antes de ter pegado neste livro, tinha já visto muita gente que o tinha lido e cuja opinião acerca do mesmo era bastante positiva! A verdade é que desde o início que achei o livro um pouco bruto no que diz respeito ao conteúdo da narrativa em si. No entanto, devido ao tema em que a autora se baseou para desenvolver a história, achei pertinente tudo os aspetos mais sombrios com que a autora nos brinda ao logo das páginas da sua obra.

Elizabeth Collins conseguiu escapar ao inferno em que vivia. Agora, com uma nova e diferente aparência, Beth trabalha num bar como sócia de um amigo seu. No entanto, apesar dos seus esforços para ultrapassar todos os traumas que se foram desenvolvendo ao longo de todos os anos em que ficou em cativeiro. Durante 7 anos, Beth foi vista e usada como um objeto. E apesar de já ter passado algum tempo desde que se viu livre de todo aquele ambiente mórbido e cruel, Beth ainda vive com os seus demónios interiores. E quando uma figura que lhe é bem conhecida aparece junto ao seu bar Beth revive todo o seu passado que tanto tem tentado esquecer.

Beth sempre tentou mostrar o seu lado forte e, por muito que os seus amigos tentassem entrar no seu mundo, Beth resistia sempre. Mas com Alec foi diferente. Alec sempre lhe deu o espaço que Beth precisava e isso trouxe o que de melhor Alec tinha para a vida de Beth. Mas será que Alec irá cumprir o que prometeu a Beth ou irá destruir a confiança que Beth tinha nele?

Este foi um livro que realmente me prendeu do início ao fim e, apesar de algumas das cenas terem trazido os aspetos mais brutos e crueis da história ao de cima sem qualquer pudor, acho que a autora fez um ótimo trabalho! Ficarei ansiosamente à espera do próximo livro para ver até onde Beth é capaz de resistir e até onde Alec se irá culpar. Recomendo vivamente este livro, mas deixo a ressalva de que contém linguagem e cenas de teor sexual e violento.


Leitura com o apoio da Chiado Editora

2 comentários:

  1. Obrigada pela opinião fantástica :)
    O livro Perdoa-me já está na fase final e sairá ainda este ano :)

    ResponderEliminar