quinta-feira, 8 de dezembro de 2016

Opinião: "Tens Coragem?" - Megan Abbott

Título: Tens Coragem?
Autor: Megan Abbott
Editora: Saída de Emergência
ISBN: 9789896379957
Páginas: 288

Sinopse: Addy Hanlon sempre foi a melhor amiga de Beth Cassidy e a sua parceira de confiança. Ambas cheerleaders temidas pelas raparigas da escola, atingiram o pico das suas carreiras no secundário e lideram uma claque intensamente competitiva e admirada por todas as colegas - até ao momento em que chega a nova treinadora. Dominante e carismática, e uma emissária do mundo adulto além do alcance das jovens, a treinadora Colette French seduz Addy e as outras cheerleaders com o seu charme.
Apenas Beth, incapaz de aceitar a nova autoridade, permanece fora do círculo de confiança da treinadora, tentando por todos os meios recuperar a sua posição como cheerleader de topo. Mas quando um crime abala a comunidade, começa uma investigação policial que tem como alvo as alunas da escola. À medida que se aproxima o final da época, Addy e Beth irão aprender, da pior forma, que as fronteiras entre lealdade e amor podem ser um terreno perigoso num jogo que já ultrapassou todos os limites.

(pode conter spoilers)

Estava bastante curiosa acerca do que poderia vir a ser este livro. Tendo em conta que faz parte do género literário que mais gosto, seria uma boa aposta de leitura para estes dias mais frios. Contudo, devo dizer que estaria à espera de algo diferente e talvez as expectativas que tinha para este livro não tenham sido as mais adequadas.

Addy Hanlon e Beth Cassidy têm sido melhores amigas desde que se conhecem. Ambas pertencem à claque da escola secundária e têm sido admiradas por todas as suas colegas. Contudo, quando uma nova treinadora - Colette French - toma conta dos treinos da equipa, algumas coisas começam a azedar. Desde cedo que ela tenta deixar as raparigas à vontade. No entanto, Beth é a única que não acredita na bondade de Colette e sente-se ressentida quando vê a sua melhor amiga dar mais atenção à treinadora.

Assim sendo, Beth vai colocar todos os recursos que tem para conseguir saber alguma coisa que comprometa Colette. Apesar de toda a bondade da treinadora, ninguém é perfeito e também Colette tem segredos que poderiam comprometer a sua reputação. Mas Beth consegue ter acesso a alguma informação que poderão colocar em risco Colette, pois o importante é que Addy volte a ser a sua melhor amiga.

Apesar de ter gostado a história em si, acho que a forma como a autora a contou foi um pouco confusa. A certo ponto, deixei de perceber bem qual seria o cerne do todo o enredo. Algumas das personagens pereciam fazer certas coisas sem grande razão. Contudo, aquilo que realmente me fez confusão foi a forma como as raparigas da claque falavam entre si: com desrespeito e insensibilidade. Mas talvez seja mesmo essa a forma como as coisas acontecem por detrás da aparência bonita daquelas raparigas.

Apesar de tudo o que referi anteriormente, considero que este livro tem tudo para dar certo. A crueldade, a brutalidade e a insensibilidade com que a autora nos conta algumas situações é tal que a trama psicológica é, de facto, bastante forte!



Leitura com o apoio da Editora Saída de Emergência

Sem comentários:

Enviar um comentário