quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

Opinião: "A Valentine Secret" - Emily Murdoch

Título: A Valentine Secret
Autor: Emily Murdoch
Editora: Endeavour Press
ISBN: 9781523643622
Páginas: 85
Data de lançamento: 22/01/2016
Sinopse: The course of true love never did run smooth. Jonathan Brodie, the only son of Sir Roger and Lady Brodie, has lived in the village of Maplebridge his whole life. Penelope, the daughter of the local florist, was adopted by the Baldwins when she was just a baby. They could not be more different and yet, one blustery January morning, their paths collide in a chance encounter that is destined to change their lives forever. Jonathan soon discovers that Penelope is far from the quiet wallflower that she first seems, but rather a beautiful rose just waiting for its chance to bloom. After spending more and more time together, it’s not long before their feelings for each other begin to blossom. However, when Jonathan starts investigating Penelope’s past, in order to present her with the truth about her biological parents, his grand Valentines gesture threatens to destroy any hope of a future with the woman he has grown to love. Penelope begins to doubt Jonathan’s motives. Is he only concerned with placating his domineering father and convincing him that she is worthy of the Brodie name? Despite his good intentions, will Jonathan’s Valentine Secret ruin everything? Or are two people from opposite ends of society simply destined to remain poles apart forever? A Valentine Secret is a charming regency romance novella about never giving up on true love. 

Opinião (contém spoilers):
Este é um romance que, apesar de curto, é ainda bastante querido. Esta narrativa presenteia-nos com todo o percurso da relação entre Jonathan e Penelope que não nos fica indiferente.

Jonathan é o típico elemento de uma família com prestígio na sociedade que voltou a sua casa depois de algum tempo em Oxford. Por outro lado, Penelope é apenas a rapariga que trabalha na florista de Maplebridge. Quando Jonathan se desloca a esta mesma loja com o intuito de comprar um ramo de flores para a sua mãe, algo mexe com ele: Penelope.

Ao longo da narrativa, ambas as personagens começam a desenvolver sentimentos um pelo outro. Contudo, o caminho desta relação passa a ser atribulado quando algumas pessoas não a veem com bons olhos. Apesar de todos os obstáculos, Jonathan e Penelope mantêm-se próximos sem que os outros interfiram com a sua relação.

Considero que este livro se encontra bem escrito e que cada acontecimento se deu no momento certo. Apesar de ser um romance, acho que a autora soube medir a intensidade das coisas sem deixar a história demasiado irreal. As personagens têm aspetos que lhes são bastante característicos e que, de uma forma ou de outra, conseguiram prender-me.

Um bom conto para a época de São Valentim que se aproxima!

Rating: 4/5

Leitura com o apoio da editora via NetGalley:

Sem comentários:

Enviar um comentário