sexta-feira, 25 de setembro de 2015

Opinião: "Malice" - John Gwynne

Título: Malice (The Faithful and the Fallen #1)
Autor: John Gwynne
Editora: Tor
ISBN: 9780330545754
Páginas: 628
Sinopse: The Banished Lands has a violent past where armies of men and giants clashed in battle. An uneasy peace reigns, but now giants stir once more, the very stones weep blood and there are sightings of gigantic worms. Those who can still read the signs see a prophecy realised: sorrow will darken the world, as angels and demons make it their battlefield. Young Corban watches enviously as boys become warriors and yearns to join them, determined that he will make his family proud. It is only when everything he knows is threatened that he discovers the true cost of becoming a man. As the Kings look to their borders, and priests beg answers from the Gods, only a chosen few know that the fate of the world will be decided between two champions, the Black Sun and the Bright Star. And with their coming will be a war to end all wars.

Opinião (contém spoilers):
Este livro estava na minha estante já há bastante tempo à espera para ser lido. Dei-lhe uma oportunidade pouco antes de começar a faculdade. A verdade é que desde o início que não me cativou como esperava. Tinha lido imensas críticas fantásticas mas, no final, não foi de encontro às minhas expectativas.

O facto de o livro ter mais de 600 páginas não me fez qualquer diferença. O problema para mim esteve no enredo e na forma como este se desenvolveu. Na minha opinião, o autor desenrolou a história de uma forma algo lenta que me fez perder o interesse em continuar a leitura (por diversas vezes). Não quero dizer com isto que o livro é mau. Apenas que prefiro livros que têm uma velocidade de desenvolvimento maior.

Para além disso, desde o início que achei confusa a ligação entre as personagens. Talvez pela falta de elementos no texto que indicassem o que eram um para o outro ou porque já estava condicionada pelo facto de não estar a gostar tanto da história como estava à espera.

Um outro aspeto que me fez ficar algo apreensiva relativamente ao querer continuar a leitura foi a falta de reviravoltas na história. A meu ver o autor desenvolveu a história de uma forma quase previsível, pecando pela falta de elementos surpresa.

Dou 2 estrelas a este livro pelo facto de, apesar de tudo, a história ter um fio condutor sólido e compreensível. Mas, como já referido, faltou a ação e o suspense do que poderia acontecer em capítulos seguintes. 

Assim sendo, terei de pensar melhor no facto de querer realmente comprar os restantes livros desta trilogia. 


Rating: 2/5

Sem comentários:

Enviar um comentário