sábado, 4 de julho de 2015

Opinião: "Tokyo Ghoul #2" - Sui Ishida

Título: Tokyo Ghoul #2
Autor: Sui Ishida
Editora: VIZ Media LLC
ISBN: 9781421580371
Páginas: 208
Sinopse: Ghouls live among us, the same as normal people in every way—except their craving for human flesh. Ken Kaneki is an ordinary college student until a violent encounter turns him into the first half-human half-ghoul hybrid. Trapped between two worlds, he must survive Ghoul turf wars, learn more about Ghoul society and master his new powers. Unable to discard his humanity but equally unable to suppress his Ghoul hunger, Ken finds salvation in the kindness of friendly Ghouls who teach him how to pass as human and eat flesh humanely. But recent upheavals in Ghoul society attract the police like wolves to prey, and they don’t discriminate between conscientious and monstrous Ghouls.

Opinião (contém spoilers):
Segundo volume deste mangá lido assim num piscar de olhos! Como quem diz, numa hora, aproximadamente. Mais uma vez, a diferente e fantástica realidade dos Ghoul faz-nos querer ler mais e mais!

Neste segundo volume, investigadores são visto pela cidade com o intutito de descobrirem quem são os Ghoul e de acabarem como estes. Entretanto, uma família (mãe e filha, ambas Ghoul) são atacadas por esses mesmos investigadores. Durante essa situação, a mãe morre; enquanto a filha fica ao abriga dos amigos que têm ajudado Ken no seu percurso. Touka, amiga e empregada no mesmo local que Ken, decide atacar os investigadores mas acaba magoada. Por sua vez, Ken vê-se na posse da sua máscara, que mantém a pala, mas do olho "não-Ghoul", deixado que o vermelho permaneça visível.

Apesar de ter gostado bastante do desenrolar da história neste volume, devo dizer que estava à espera de algo mais entusiasmante. Acho que deixou um pouco a desejar.

Mas, apesar de tudo, é um mangá fantástico que recomendo sem dúvida alguma!


Rating: 3/5

Sem comentários:

Enviar um comentário