sexta-feira, 19 de junho de 2015

Opinião: "Tokyo Ghoul #1" - Sui Ishida

Título: Tokyo Ghoul #1
Autor: Sui Ishida
Editora: VIZ Media LLC
ISBN: 9781421580364
Páginas: 224
Sinopse: Shy Ken Kaneki is thrilled to go on a date with the beautiful Rize. But it turns out that she’s only interested in his body—eating it, that is. When a morally questionable rescue transforms him into the first half-human half-Ghoul hybrid, Ken is drawn into the dark and violent world of Ghouls, which exists alongside our own.

Opinião (contém spoilers):
Depois de muito ter ouvido falar deste mangá, decidi pegar-lhe e então verificar se era realmente tão bom quanto me diziam. E não é que é mesmo?

O livro conta a história de Ken, um rapaz que passa a maior parte do seu tempo a ler. Ultimamente tem ouvido muitas notícias acerca de ataques a humanos, feitos por Ghouls: criaturas que se alimentam de carne humana. Quando este pensava que ia a um encontro com Rize, Ken descobre que esta é uma Ghoul e que, perante um ataque iminente, um acidente ocorre. Rize morre e Ken fica ferido. No hospital, é realizado um transplante de órgãos a Ken com os da Ghoul. Consequentemente, Ken desenvolve-se, dando origem a um híbrido: metade humano, metade Ghoul. As mudanças que este sofre são bastantes; a começar pela diferença enorme que sente relativamente ao sabor da comida e possuir, agora, um olho vermelho. À medida que os dias passam, Ken apercebe-se de que existem mais Ghouls à sua volta do que imaginava.

Gostei imenso da história, do facto de esta nos presentear com um tema bastante diferente daquele que estamos habituados e ao facto de haver sempre uma reviravolta na história quando menos se espera. Considero que as personagens são "chamativas", o que nos faz querer ler mais e mais para saber o que acontece a seguir. No entanto, considero que algumas passagens são um pouco confusas pelo que me encontrei a ter de voltar atrás algumas vezes, para tentar entender o que realmente se estava a passar.

É óbvio que recomendo a toda a gente que goste de algo diferente, mas ao mesmo tempo cativante. Tenho a certeza de que não se irão arrepender!!

Rating: 4/5

Sem comentários:

Enviar um comentário